Às margens do Rio São Francisco, Penedo (AL) recebe Cais da Marina

Pier da Marina da Escola Náutica de Penedo, implantado pelo Iphan

A história da origem da cidade de Penedo, em Alagoas, é contada na beira do Rio São Francisco, onde se formou o Barro Vermelho – hoje, Bairro Santo Antônio. Ali nasceram o povo e os costumes da cidade e é também ali que o Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) entregou, no dia 19 de julho, mais uma obra que resgata e fortalece a tradição náutica da região: a implantação do Cais da Marina da Escola Náutica de Penedo

Em cerimônia que teve a presença da presidente do Iphan, Kátia Bogéa, do prefeito Marcius Beltrão, do superintendente do Iphan em Alagoas, Mario Aloísio Barreto, e demais autoridades locais, como o deputado estadual Marcelo Beltrão e o vice-prefeito Ronaldo Lopes,  a entrega da obra consolidou um complexo que estimula as atividades navais na cidade e sua promoção na rota do turismo náutico nacional. Segundo a presidente da autarquia federal, o cais da Marina de Penedo passa a ser um novo cartão postal da cidade, atraindo moradores e turistas, mas que, sobretudo, gera resultados e benefícios diretos na vida dos moradores da região.

Isso porque a obra envolveu a restauração dos galpões de uma antiga fábrica situada no local, concluída em 2017, e agora a requalificação da encosta, com a implantação de um píer flutuante. Assim, a intervenção transformou a região, que antes era um grande depósito de lixo e entulhos, com nova urbanização, espaço para mirante, iluminação, rampa acessível e um deck para embarque e desembarque de passageiros. No entorno dos galpões, as vias também foram pavimentadas e foi executada a drenagem das águas pluviais do entorno. O projeto da intervenção foi elaborado pela Prefeitura Municipal e executado pelo Iphan, autarquia do Ministério da Cidadania, com recursos de R$ 852 mil do PAC Cidades Históricas. 

Patrimônio Cultural e desenvolvimento
Resultado de um grande esforço do Iphan em Alagoas, a obra recupera a orla do Rio São Francisco em Penedo e gera uma importante transformação na qualidade de vida dos moradores do Barro Vermelho. Ela integra uma série de intervenções que vem sendo feitas na cidade, da qual também faz parte a restauração do edifício Vila Lessa, no Centro Histórico, entregue na mesma data. Protegido como Patrimônio Cultural Brasileiro, esse rico conjunto arquitetônico se soma à paisagem da cidade, promovendo a região como importante riqueza e atrativo turístico do Estado. 

No mesmo dia 19 de julho, os representantes do Iphan entregaram em Marechal Deodoro, no litoral de Alagoas, a obra de requalificação do Museu de Arte Sacra, reabrindo as portas de um fundamental equipamento cultural da cidade. A intervenção contou também com recursos do PAC Cidades Históricas, programa que já investiu quase R$ 37 milhões em ações no Estado.

Serviço:
Entrega das obras de implantação do Cais da Marina da Escola Náutica e da restauração do edifício Vila Lessa, em Penedo/AL
Data: 19 de julho de 2019, às 15h
Local: Marina da Escola Náutica, Bairro Santo Antônio

Assessoria de Comunicação 
Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan)

comunicacao@iphan.gov.br
Déborah Gouthier – deborah.gouthier@iphan.gov.br
Liana Costa – liana.carmo@iphan.gov.br
(61) 2024-5516 - 2024-5533 – 98104-5949
www.iphan.gov.br
www.facebook.com/IphanGovBr | www.twitter.com/IphanGovBr
www.youtube.com/IphanGovBr

Compartilhar
Facebook Twitter Email Linkedin