retornar

Igreja e Mosteiro de Monte Serrat (Salvador, BA)


Outros Nomes:Capela e Mosteiro de Monte Serrat; Igreja e Mosteiro de Nossa Senhora de Mont-Serrat


Descrição:Grande controvérsia envolve a fundação da primitiva ermida beneditina: para alguns historiadores, esta deve-se a um militar espanhol, no final do século XVI, devoto da Virgem de MonSerrate; para outros, foi erigida pelos senhores da Torre de Garcia D'Ávila, no mesmo período. Sua doação aos beneditinos, em 1609, feita pelos Garcia d'Ávila, ou em 1658, pelo Governador, é outra polêmica em sua história. De 1679 é a construção do mosteirinho. De pequenas dimensões, possui dois pavimentos e avizinha-se à igreja no sentido longitudinal. A igreja apresenta planta de transição entre o tipo nave - capela-mor e o partido em "T", com justaposição de sacristia e consistório à capela-mor, possuindo ainda pequeno coro e púlpito. Similar a muitas capelas rurais da Bahia, sua planta é atribuída ao arquiteto italiano Baccio de Filicara. A torre de terminação piramidal, revestida de azulejos, destaca-se no conjunto de pequenas proporções, assim como o alpendre ou copiar da igreja, reconstruído em 1969 pelo IPHAN, quando se eliminou seu frontão rococó. O altar-mor do séc. XVIII é oriundo da igreja de São Bento, e em 1930, foi mutilado para adaptar-se à capela. Na sua imaginária, destacam-se o São Pedro Arrependido, em barro cozido, de autoria do Frei Agostinho da Piedade e N. Sra. do Monte Serrat, hoje, guardadas no Mosteiro de São Bento.



Endereço: Rua Santa Rita Durão, 56, Ponta do Humaitá - Salvador - BA

Livro de Belas Artes
Inscrição:150 Data:27-6-1938
     
 

Nº Processo:0079-T


Observações:O tombamento inclui todo o seu acervo, de acordo com a Resolução do Conselho Consultivo da SPHAN, de 13/08/85, referente ao Processo Administrativo nº 13/85/SPHAN.