retornar

Estação de Hidroaviões (Rio de Janeiro, RJ)



Descrição:O projeto desta edificação foi ganhador de concurso em arquitetura de 1937, e é de autoria do escritório de Atílio Correia Lima, com a colaboração dos arquitetos Jorge Ferreira, Renato Mesquita, Renato Soeiro e Tomás Estrela. Com dois pisos, apresenta no térreo um pórtico com colunas estruturais aparentes, e o sobrado parcialmente vazado, com o fim de proporcionar pé-direito duplo para um trecho do pavimento térreo. As fachadas voltadas para a praça e para o cais, tratadas com amplos panos de cristal, contrastam com as duas outras, cegas, totalmente revestidas de mármore travertino. Na fachada para o cais, uma graciosa escada helicoidal liga o solo ao terraço do segundo piso. O jardim frontal, hoje prejudicado em parte pelo Elevado da Perimetral, foi também projeto de Atílio Correia Lima. Com a evolução da aviação e o desaparecimento dos hidro-aviões, foi essa edificação, sem utilização, transferida para o Clube da Aeronáutica.


Uso Atual:Instituto Histórico e Cultural da Aeronáutica


Endereço: Praça Marechal Âncora, 15 A - Rio de Janeiro - RJ

Livro de Belas Artes
Inscrição:438 Data:29-1-1957
     
 

Nº Processo:0552-T-56