retornar

Matriz de Nossa Senhora da Purificação (Santo Amaro, BA)


Outros Nomes:Igreja Matriz de Nossa Senhora da Purificação; Igreja Matriz de Santo Amaro


Descrição:A construção da atual matriz foi iniciada em 1706. Em 1727 encontrava-se coberta e rebocada. Ampliada em 1750, a igreja só foi realmente concluída no final do séc. XVIII. O edifício de planta inscrita em retângulo, apresenta nave e transepto, duas sacristias e tribunas com paredes erguidas em alvenaria mista de pedra e tijolo. Como sua construção demorou quase um século, a igreja foi se adaptando aos modismos de cada época e acabou se convertendo em uma igreja do tipo comum no séc. XVIII. Durante estas modificações o corredor lateral foi transformado em capelas secundárias. Suas fachadas testemunham o lento desenvolvimento das obras incluindo desde janelas com conversadeiras do início do século até janelas de coro com cercadura no estilo D. Maria I, da segunda metade do século. Flanqueando o frontão de volutas com nicho central encontra-se torres com terminações bulbosas revestidas de azulejos. No seu interior, modificado na década de 1920, destacam-se os forros com pintura ilusionista da nave e transepto, dez painéis figurados de azulejo, o acervo de imagens e alfaias.



Endereço: Praça da Purificação, s/n - Santo Amaro - BA

Livro de Belas Artes
Inscrição:241-A Data:25-9-1941
     
Livro Histórico
Inscrição:175 Data:25-9-1941
     
 

Nº Processo:0282-T


Observações:O tombamento inclui todo o seu acervo, de acordo com a Resolução do Conselho Consultivo da SPHAN, de 13/08/85, referente ao Processo Administrativo nº 13/85/SPHAN.