retornar

Convento e Igreja de Nossa Senhora do Carmo e Capela da Ordem Terceira (Belém, PA)



Descrição:Em 1626, chega a Belém a Ordem Carmelita do Maranhão. Em 1627, o Capitão-mor, Bento Maciel Parente e seu filho, Capitão de Infantaria, doam as carmelitas uma casa próxima ao alagadiço de Jucara, servindo de residência para os religiosos. Foi construido a seu lado uma igreja com o título de N. Srª. do Carmo. Em 1690 a igreja foi demolida, mas no mesmo ano, as carmelitas começaram a construção, no mesmo local, dos atuais convento e igreja. Em 1766, a igreja é ampliada, segundo projeto de Landi, adotando frontões ondulados. A Ordem construiu ainda a Capela do Senhor dos Passos, permanecendo no local até 1860; em 1870, o conjunto abandonado foi entregue ao Governo, que ali instalou a prefeitura, uma outra ala ficou para a Arquidiocese, que em 1903 passou para a Ordem dos Maristas, permanecendo até 1928; de 1928 a 1931 ficou novamente abandonada, passando então para os Salesianos; em 1974 a estrutura da ala central foi alterada, sendo restaurada em 1976. O convento apresenta janelas enquadradas por cunhais e telhado com beiral em cimalha de boca de telha.



Endereço: Travessa Dom Bosco - Belém - PA

Livro Histórico
Inscrição:147 Data:3-1-1941
     
 

Nº Processo:0236-T-40


Observações:O tombamento inclui todo o seu acervo, de acordo com a Resolução do Conselho Consultivo da SPHAN, de 13/08/85, referente ao Processo Administrativo nº 13/85/SPHAN.