retornar

Igreja de São João Batista (Belém, PA)


Outros Nomes:Capela de São João Batista


Descrição:A primitiva capela de São João Batista foi erguida em 1622, no mesmo lugar da atual, por determinação do capitão-mor Bento Maciel Parente. O pretexto para sua construção teria sido a recusa do vigário em celebrar a festa de São João Batista na única igreja então existente, a de N. Sra. da Graça. Em 1661, o padre Antônio Vieira esteve preso nela. Em 1686, é construída uma segunda igreja, no mesmo local. Em 1721, depois de ser paroquial por sete anos, a igreja foi engrandecida passando a Catedral ou Sé Episcopal, com a criação do Bispado do Pará. Passa então por um período de intensa vida religiosa e civil mas que, em 1755, acaba quando a Igreje da Sé é concluída e se torna a nova catedral. De 1771 a 1774, foi construído o atual templo em alvenaria de pedra, segundo projeto de Landi. Foi sagrada em 1777 e com sua nave octogonal coberta por uma cúpula é única em Belém. Existe um campanário de alvenaria junto à sacristia no lugar das torres e o altar, que substitui o primitivo, com retábulo imitando o estilo neogótico. A igreja foi tombada apenas em 1941, tendo sofrido algumas modificações. Na década de 30, a pintura em perspectiva "tromp l'oeil" de Landi foi coberta por uma escaiola, pintura que imita mármore. Foi descoberta por um restaurador em 1988 que planejava uma restauração da pintura do retábulo do altar-mor. Três altares em estilo neogótico também foram erguidos na sua frente



Endereço: Largo de São João - Belém - PA

Livro Histórico
Inscrição:148 Data:3-1-1941
     
 

Nº Processo:0237-T-40


Observações:O tombamento inclui todo o seu acervo, de acordo com a Resolução do Conselho Consultivo da SPHAN, de 13/08/85, referente ao Processo Administrativo nº 13/85/SPHAN.