retornar

Cataguases, MG: conjunto histórico, arquitetônico e paisagístico (Cataguases, MG)


Outros Nomes:Centro Histórico de Cataguases


Descrição:Conjunto Histórico, Arquitetônico e Paisagístico da Cidade de Cataguases, com a seguinte descrição do perímetro da área do tombamento: Inicia-se na Praça Getúlio Vargas, confluência da Avenida Astolfo Dutra e Rua Coronel João Duarte, segue em direção à Estação Ferroviária obedecendo o traçado da antiga ferrovia, atual Rua Visconde do Rio Branco, abraçando, na Praça Governador Valadares a Chácara de Dona Catarina, seguindo após em direção às dependências da Indústria Irmãos Peixoto, pela mesma Rua Visconde do Rio Branco, envolvendo-a, inclusive as vilas operárias existentes às Ruas Gama Cerqueira e Manoel Peixoto Ramos. Deste ponto retorna em direção à Praça Getúlio Vargas, seguindo pela linha de cumeada do morro lindeiro, daí perseguindo a Avenida Astolfo Dutra pela margem esquerda do canal do Córrego Lavapés. Segue pela Avenida Humberto Mauro até atingir o Colégio Cataguases, envolvendo-o e retornando à Praça Doutor Cunha Neto. Neste ponto toma a Rua Eduardo Del Peloso, alcançando a Avenida Coronel Artur Luz. Segue por esta até encontrar a Avenida Astolfo Dutra cruzando-a e seguindo pela Rua Araújo Porto; em seu término, na Rua Doutor Lobo Fi1ho, inflete à direita e logo após à esquerda alcançando o Rio Pomba pela Travessa São Vicente de Paula. Cruzando o Rio Pomba envolve o Cemitério e a Companhia Industrial de Cataguases, seguindo após pela Rua Francisca Peixoto, compreendendo a Praça José Inácio Peixoto. Segue pela Rua José de Almeida Kneipp; em seu término, junto ao eixo de cotovelo do Rio Pomba volta a atravessá-lo, seguindo pela margem esquerda até alcançar o ponto de confluência do Ribeirão Meia Pataca. Neste ponto persegue a direção da Rua Ascânio Lopes até a altura da Rua Professor Alcântara, cruzando o Meia Pataca e seguindo por esta mesma Rua Professor Alcântara nº 134, última residência de Dona Eva Comello, até atingir a Praça Sandoval de Azevedo. Segue após pela Rua Joaquim Peixoto Ramos até atingir a Praça Rui Barbosa, onde inflete à direita pela Rua João Duarte, retornando ao ponto de partida na Praça Getúlio Vargas (os imóveis limítrofes cujas testadas estejam voltadas para os eixos de Ruas e Avenidas, deverão ser considerados parte integrante deste perímetro). No interior do perímetro acima descrito, além da atual pavimentação das Ruas e Avenidas ficam tombados, em especial, os seguintes bens imóveis e integrados: l. Prédio do Colégio Cataguases, atual Colégio Estadual Manoel Ignácio Peixoto; Chácara Granjaria; Arquiteto: Oscar Niemeyer; Paisagismo: Roberto Burle Marx; Escultura "O Pensador" de Jan Zach; Painel de Pastilhas de Paulo Werneck; Propriedade do Estado de Minas Gerais; 2. Prédio da Residência de Francisco Inácio Peixoto, à Rua Major Vieira n° 154; Arquiteto: Oscar Niemeyer; Paisagismo: Roberto Burle Marx; Propriedade do Espólio de Francisco Inácio Peixoto; 3. Prédio da Residência A.O.Gomes, à Avenida Astolfo Dutra n° 176; Arquiteto: Francisco Bologna; Painel de Azulejos (fachada externa) de Anísio Medeiros: Festa Nordestina; Afresco de Émeric Marcier: A lenda sobre o rapto das Sabinas; Propriedade de Nanzita Ladeira Salgado Alvim Gomes; 4. Prédio da Residência de Josélia Peixoto Medeiros, à Avenida Astolfo Dutra nº 146; Arquiteto: Aldary Henriques Toledo; Paisagismo: Francisco Bologna; Propriedade: Josélia Peixoto Medeiros; 5. Prédio da Residência de Nélia Peixoto, à Avenida Astolfo Dutra n° 116; Arquiteto: Edgard Guimarães do Vale; Paisagismo: Francisco Bologna; Propriedade de Nélia Peixoto; 6. Prédio do Hotel Cataguases, à Rua Major Vieira n° 56; Arquitetos: Aldary Henriques Toledo e Gilberto Lemos; Paisagismo: Carlos Percy; Escultura Mulher de Jan Zach; Propriedade do Hotel Cataguases S/C Ltda.; 7. Prédio do Cine-Teatro Edgard, à Praça Rui Barbosa n° 174; Arquitetos: Aldary Henriques Toledo e Carlos Leão; Propriedade do Circuito Cinema Brasil Ltda./Loja Maçônica Labor e Trabalho e do Município de Cataguases; 8. Prédio do Edifício A Nacional, à Praça Rui Barbosa n° 68; Arquiteto: M.M.M. Roberto; Propriedade de Walter Ferraz Gomes e Espólio Silvio Ferraz Gomes/Sebastião José de Carvalho/Antonio Gomes de Carvalho/Maria Cristina Carvalho Thomé/ Espólio de Atheniense Ferraz; 9. Conjunto de Prédios das Residências Operárias, à Rua Francisca Peixoto; Arquiteto: Francisco Bologna; Propriedade da Companhia Industrial de Cataguases; 10. Monumento a José Inácio Peixoto, à Praça José Inácio Peixoto; Arquiteto: Francisco Bologna; Escultura A família de Bruno Giorgi; Painel de azulejos As Fiandeiras de Cândido Portinari; Propriedade da Companhia Industrial de Cataguases e do Município de Cataguases; 11. Ponte Metálica sobre o Rio Pomba; Propriedade do Município de Cataguases; 12. Prédio da Fábrica Fiação e Tecelagem Cataguases/M.Ignácio Peixoto & Filhos, à Praça Manoel Ignácio Peixoto s/n°; Propriedade das Indústrias Irmãos Peixoto; 13. Prédio da Estação Ferroviária de Cataguases, à Praça Governador Valadares; Propriedade do Município de Cataguases; 14. Prédio do Museu da Eletricidade Cataguases-Leopoldina, à Av. Astolfo Dutra n° 41; Propriedade da Companhia Força e Luz Cataguases-Leopoldina; 15. Prédio do Edifício do Antigo Grupo Escolar Coronel Vieira, atual Escola Estadual Coronel Vieira, à Av. Astolfo Dutra n° 303; Propriedade do Estado de Minas Gerais; 16. Prédio do Educandário Dom Silvério, à Rua Doutor Lobo Filho n° 270; Painel (fachada externa) de Anísio Medeiros; Afresco da Capela Genesis de Émeric Marcier; Propriedade da Congregação das Irmãs Carmelitas da Divina Providência.



Endereço: - Cataguases - MG

Livro Arqueológico, Etnográfico e Paisagístico
Inscrição:128 Data:17-2-2003
     
Livro de Belas Artes
Inscrição:621 Data:17-2-2003
     
Livro Histórico
Inscrição:565 Data:17-2-2003
     
 

Nº Processo:1342-T-94