Publicações

  • Olinda – Sítio Histórico

    Autor: Iphan/Programa Monumenta Edição: Edição: 2010 Páginas: 16

    Publicação: Iphan/Programa Monumenta/Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID)

    A série de publicações Rotas do Patrimônio – Uma viagem através da história apresenta roteiros completos com dicas de locais para visitação, lazer, compras e gastronomia nas cidades históricas. Localizado ao norte de Recife, bem próximo do centro da capital, o sítio histórico de Olinda está preservado em seu traçado urbano, na paisagem e no conjunto arquitetônico. Corresponde ao plano de ocupação colonial português a partir do século XVI. Também conhecido por Cidade Alta, a harmoniosa integração entre a arquitetura, o verde e o mar, compõe uma paisagem inesquecível.  A cidade abriga inúmeros ateliês de artistas plásticos e um famoso Carnaval de rua. Edição bilíngue (português/inglês).

  • Inventário da obra de Athos Bulcão em Brasília

    Autor: Iphan Edição: 2018 Páginas: 215

    Athos Bulcão conjugou, com maestria desenho, forma e cor, expressando-se nos mais variados suportes, gerando múltiplas, lúdicas e originais criações. Sua obra identifica-se com Brasília de tal modo que é difícil dissociar uma da outra, além da identificação e o carinho que desperta no público. São pinturas, desenhos, colagens, máscaras, cenários e figurinos teatrais, além de murais, painéis e elementos escultóricos criados especificamente para os espaços a que se destinavam. 

  • Barroco e Rococó nas Igrejas de Sabará e Caeté

    Autor: Myriam Andrade de Oliveira e Célio Macedo ALves Edição: 2018 Páginas: 228

     

     

  • Saberes, Fazeres, Gingas e Celebrações

    Autor: Iphan Edição: 2018 Páginas: 360

    Esta publicação reúne as principais ações de salvaguarda realizadas com os bens culturais registrados como Patrimônio Cultural do Brasil no período de 2002 a 2018. É apresentado um histórico do trabalho do Iphan com os bens registrados desde os primeiros reconhecimentos da dimensão imaterial dos patrimônios culturais em 2002. Marcos conceituais e procedimentos para operacionalização da política de salvaguarda do PCI também são descritos. O volume tem o objetivo de promover os bens culturais registrados e visibilizar centenas de ações realizadas em prol do apoio e valorização de seus detentores, bem como em busca de sua preservação e sustentabilidade cultural. 

  • Revista do Patrimônio nº 40

    Autor: Iphan Edição: 2019 Páginas: 396

    Trazer à luz o tema do turismo na perspectiva do patrimônio foi um interessante desafio. O objetivo central desta edição é abordar essa relação, favorecendo uma leitura instigante tanto para aqueles que se debruçam sobre a gestão patrimonial quanto para profissionais do turismo.

  • Mestres Artífices - Bahia

    Autor: Eugenio de Ávila Lins, Mariely Cabral de Santana, Maria Hermínia Olivera Hernández e Silvia Pimenta d’Affonsêca Edição: 2017 Páginas: 299
    Coordenação: Eugenio de Ávila Lins e Mariely Cabral de Santana
    Publicação: Iphan/ UFBA
     Esta publicação apresenta os resultados do Inventário dos Mestres Artífices da Construção Civil Tradicional na Chapada Diamantina – BA, realizado pelo IPHAN em cooperação com a Universidade Federal da Bahia – UFBA, no qual foram identificados e documentados os saberes tradicionais que envolvem o conhecimento de materiais e técnicas construtivas locais, conformadoras de um rico patrimônio material e imaterial, tão marcantes da paisagem cultural da Chapada.  O projeto tem o intuito de  valorizar tais ofícios e seus detentores, contribuindo para que as práticas construtivas tradicionais se mantenham vivas na região e reconhecidas pelo importante valor para o campo da preservação e da arquitetura vernacular brasileira.
  • Patrimônio cultural do Brasil : pareceres de registro dos bens culturais imateriais (v. 1)

    Autor: Iphan Edição: 2021 Páginas: 535

    Ao celebrar as duas décadas da instituição da Política de Salvaguarda do Patrimônio Imaterial, o Iphan reúne nos dois volumes desta publicação os pareceres e notas técnicas conclusivos que recomendaram o Registro dos 48 bens culturais de natureza imaterial reconhecidos nestes 20 anos. Os documentos foram elaborados entre 2002 e 2019, tanto por técnicos e gestores do Departamento do Patrimônio Imaterial (DPI), das Superintendências do Iphan nos estados e do Centro Nacional de Folclore e Cultura Popular (CNFCP), quanto por integrantes do Conselho Consultivo do Patrimônio Cultural do Iphan.

    Ao mesmo tempo, este compêndio se oferece como uma poderosa ferramenta de conhecimento, promovendo a difusão
    dos princípios, fundamentos e diretrizes do PCI, historiando sua implementação e sua operação, com potencial educativo,
    de formação e capacitação. Esperamos que esta edição em dois volumes, ricamente ilustrada, possa favorecer a tomada de decisões pertinentes para ações em andamento e por vir, dos mais diversos entes e membros da sociedade.

  • Manual de elaboração de Planos de Salvaguarda

    Autor: organização: Aline Miranda, Rafael Belló Klein e Sara Santos Morais Edição: 2022 Páginas: 60

    O Manual de Elaboração de Plano de Salvaguarda tem como objetivo apresentar orientações para a construção de planos de salvaguarda de bens registrados pelo Iphan como Patrimônio Cultural do Brasil.  Espera-se que este material seja um instrumento para subsidiar a gestão compartilhada do patrimônio imaterial e alcance toda a sociedade.

  • Patrimônio e Leitura: Catálogo Comentado de Literatura Infantojuvenil - 2

    Autor: Maria Beatriz Rezende Edição: 2009 Páginas: 48

    Publicação: Iphan

    Apresenta obras que vão desde narrativas memorialistas, histórico-ficcionais e de aventura a poesia. As resenhas procuram demonstrar a presença de temas como a cultura popular – o folclore, as festas, a culinária; a memória como construção individual e coletiva; o saber das populações tradicionais; as narrativas históricas; a iconografia como registro documental.

  • Vol. 4 - Metodologia de Pesquisa e Multidisciplinaridade no Iphan: Anais da II Oficina de Pesquisa

    Autor: Copedoc/Daf/Iphan Edição: 2010 Páginas: 580

    Publicação: Iphan

    Reúne artigos dos técnicos do Iphan que participaram da II Oficina de Pesquisa: metodologia de pesquisa e multidisciplinaridade, realizada em 2008, que reuniu profissionais de diversas áreas: Arquitetura, Arquivologia, Ciências Sociais, Engenharia Civil, Geografia, História, Letras, Museologia e produção cultural. Os resultados subsidiam a reflexão sobre o caráter das pesquisas nas instituições dedicadas à preservação do patrimônio cultural, o reconhecimento do trabalho interdisciplinar como fomentador de mudanças positivas na lida com esse patrimônio, a ênfase na importância da interdisciplinaridade no processo de atribuição de valor dos bens culturais e o incentivo ao planejamento das ações de preservação, entre outros temas.

Registros encontrados: 521

Compartilhar
Facebook Twitter Email Linkedin