Publicações

  • Educação Patrimonial: histórico, conceitos e processos

    Autor: Sônia Rampim Florêncio, Pedro Clerot, Juliana Bezerra e Rodrigo Ramassote Edição: 2012 Páginas: 63

    Publicação: Iphan

    Esta publicação é resultado de um percurso amplo de debates, pesquisas teóricas e avaliações das práticas e ações educativas. Dividida em três partes, descreve a trajetória histórica dessas ações dentro do Iphan, os fundamentos conceituais que amparam as atuais políticas da área e apresenta os três macroprocessos institucionais desenvolvidos pela Coordenação de Educação Patrimonial/Iphan. Nos últimos anos, multiplicaram-se iniciativas educacionais voltadas à preservação patrimonial, e uma grande variedade de ações e projetos com concepções, métodos, práticas e objetivos pedagógicos distintos foi realizada em todo o País. 

  • Educação Patrimonial: Inventários Participativos

    Autor: Iphan Edição: 2016 Páginas: 136

    Publicação: Iphan

    A presente publicação é de livre acesso, destinada ao público em geral, podendo ser utilizada sem necessidade de licença, autorização ou cessão de direitos. Constitui-se, antes, numa ferramenta de Educação Patrimonial com objetivos principais de fomentar no leitor a discussão sobre patrimônio cultural, assim como estimular que a própria comunidade busque identificar e valorizar as suas referências culturais. Em razão de solicitações de técnicos das unidades do Iphan e de outros setores do Ministério da Cultura, e por sugestões e demandas de determinadas organizações da sociedade civil, decidiu-se adaptar o material para aproveitamento em iniciativas e atividades para além do Programa Mais Educação. A iniciativa visa propiciar aos usuários o contato com princípios de uma pesquisa de campo, técnicas básicas de levantamento documental, sistematização e interpretação de dados e difusão de informações.

  • Educação Patrimonial no Programa Mais Educação - Manual de Aplicação

    Autor: Iphan Edição: 2013 Páginas: 85

    Publicação: Iphan

    As orientações para elaboração do inventário do patrimônio cultural, uma forma de pesquisar, coletar e organizar informações sobre algo que se quer conhecer melhor estão reunidas em mais uma publicação sobre Educação Patrimonial. Nesta atividade, é necessário um olhar ao redor dos espaços da vida, inclusive os que podem estar junto à escola, buscando identificar as referências culturais que formam o patrimônio cultural do local.

  • Educação Patrimonial no Programa Mais Educação - Fascículo 1

    Autor: Iphan Edição: 2011 Páginas: 18

    Publicação: Iphan/Mec

    Neste primeiro fascículo, está a proposta de Educação Patrimonial no âmbito do Programa Mais Educação, do Ministério da Educação, além de esclarecimentos sobre os materiais e equipamentos audiovisuais que cada escola vai adquirir ao escolher esta nova atividade. A Educação Patrimonial no Mais Educação propõe uma forma dinâmica e criativa da escola se relacionar com o patrimônio cultural de sua região e, a partir dessa ação, ampliar o entendimento dos vários aspectos que constituem o Patrimônio Cultural Brasileiro.

  • Educação Patrimonial no Programa Mais Educação - Fichas do Inventário

    Autor: Iphan Edição: 2013 Páginas: 43

    Publicação: Iphan

    As Fichas do Inventário são os modelos para o preenchimento das informações produzidas e para a organização dos materiais resultantes do inventário do patrimonio cultural. Elas são parte integrante do Manual e, por isso, também orientam a realização do trabalho de forma organizada, instrutiva e pedagógica.

  • Carta de Nova Olinda - I Seminário de Avaliação e Planejamento das Casas do Patrimônio

    Autor: IPHAN Edição: 2010 Páginas: 12

    Publicação: Iphan 

    Os participantes do seminário - realizado em 2009, na Fundação Casa Grande/Casa do Patrimônio, em Nova Olinda (CE) - elaboraram o documento final do encontro que documento representa a culminância de um conjunto de investimentos feitos pela área de Promoção do Patrimônio Cultural Brasileiro, do Iphan, desde 2000. O objetivo é estruturar e consolidar um campo de trabalho para as ações educativas voltadas para o conhecimento e a preservação do patrimônio cultural brasileiro.

  • Educação Patrimonial: Orientações ao Professor - Caderno Temático 1

    Autor: Iphan Edição: 2011 Páginas: 65

    Publicação: Iphan/Casa do Patrimônio de João Pessoa 

    O primeiro Caderno Temático parte da concepção de Educação Patrimonial como processo sistemático, continuado e transversal a diferentes áreas do conhecimento. E trabalha conceitos como de patrimônio, memória, cidadania, museu, educação, entre outros.

  • Educação Patrimonial: Reflexões e Práticas - Caderno Temático 2

    Autor: Átila Bezerra Tolentino Edição: 2012 Páginas: 104

    Publicação: Iphan/Casa do Patrimônio de João Pessoa

    O segundo Caderno Temático tem como objetivo apresentar aos professores e interessados na área textos de referências sobre Educação Patrimonial, bem como diferentes experiências de atuação de Educação Patrimonial desenvolvidas no Estado da Paraíba, seja na escola ou fora dela.

  • Educação Patrimonial: educação, memórias e identidades - Caderno Temático 3

    Autor: Átila Bezerra Tolentino (org.) Edição: 2013 Páginas: 57

    Publicação: Iphan/Superintendência no Estado da Paraíba

    Nesta edição dos cadernos temáticos de Educação Patrimonial, os autores enfatizam a importância da Educação Patrimonial para se construir um elo entre espaços de memória, manifestações culturais e identidades de povos e pessoas. Por meio da sensibilização, os patrimônios culturais consagrados e os não consagrados pelos poderes públicos podem ser valorizados e preservados, e os sujeitos produtores de suas culturas poderão ter participação ativa e crítica na seleção dos seus patrimônios e nas ações de preservação. Os cadernos são os resultados do curso Educação Patrimonial: Reflexões e Práticas promovido pela Superintendência do Iphan no Estado da Paraíba, em 2012.

  • Educação Patrimonial: diálogos entre escola, museu e cidade - Caderno Temático 4

    Autor: Átila Bezerra Tolentino (org.) Edição: 2015 Páginas: 61

    Publicação: Iphan/Superintendência no Estado da Paraíba

    O número 4 desta série de cadernos patrimoniais retrata experiências de Educação Patrimonial por todo o Brasil que tomam os espaços educativos das escolas e dos museus como polos a partir dos quais se desenvolvem experiências sensoriais e interpretativas que extrapolam seus limites físicos e sua atuação institucional. A ampliação do limite entre o dentro e o fora, relatada em diversas experiências, incorpora novos elementos às práticas educativas comumente realizadas e revela como as referências culturais são palpáveis e acessíveis a qualquer cidadão ou cidadã, pois permeiam o cotidiano, a vizinhança e a cidade de todos.

     

Registros encontrados: 28

Compartilhar
Facebook Twitter Email Linkedin