Armazenamento de documentos

Armazenamento de documentos do SEI!

Todos os arquivos gerados, de processos ou de documentos isolados, deverão ser armazenados em pastas no servidor de arquivos da Sede do Iphan, da Superintendência ou da Unidade Especial, considerados como os locais adequados a esse tipo de guarda eletrônica. Em hipótese alguma, o armazenamento primário destes arquivos deverá se dar nos computadores dos usuários.

Ao se criar uma pasta de arquivos (diretório) no servidor de arquivos, deve-se utilizar o NUP (Número Único de Protocolo) como nome da pasta, seguido, se possível, do assunto/descrição do processo ou documento. Essa atitude facilita posterior atribuição dos arquivos aos respectivos processos no SEI!. 

É necessário observar que, como o nome de pastas não aceita o sinal de barra, o NUP deverá ser adaptado, com substituição de todos os caracteres especiais por pontos. 

Exemplo: os arquivos referentes ao processo 01450.123456/2016-01, de aquisição de material de consumo, ficarão salvos na pasta nomeada 01450.123456.2016.01.Aquisição de material de consumo.

Compartilhar
Facebook Twitter Email Linkedin