Fortificações Brasileiras

Forte de Copacabana - Rio de Janeiro (RJ)
Fortaleza São João - Rio de Janeiro (RJ) Fortaleza de N. Sra. dos Prazeres - Ilha do Mel (PR)
 

No Brasil, foram construídas centenas de fortificações a partir do século XVI, no litoral e em pontos estratégicos do interior e das áreas de fronteira. As fortalezas são as grandes edificações militares, com duas ou mais baterias de canhões instaladas em pontos diferentes no interior da construção onde existem vários prédios, torre de observação, entre outras obras. Algumas se tornaram parte da paisagem urbana, o que ocorreu com a Fortaleza de Nossa Senhora da Assunção, ao redor da qual cresceu a cidade de Fortaleza, capital do Ceará. Outras encantam os visitantes das belas praias e ilhas brasileiras, como a Fortaleza de Santa Cruz, localizada na Ilha de Anhatomirim, em Santa Catarina. 

Os fortes são edificações militares menores do que as fortalezas e possuem uma ou mais baterias de artilharia, mas todas instaladas no mesmo local. Muitas fortificações brasileiras desapareceram, ao longo dos séculos, ou delas sobraram apenas ruínas e registros históricos das batalhas ali travadas. Em Salvador e no Rio de Janeiro, as duas primeiras capitais do Brasil, estão alguns dos mais significativos desses monumentos: os fortes de São Marcelo (BA) e de Copacabana (RJ). Tombados pelo Iphan, despertam grande interesse dos turistas e recebem visitantes que percorrem suas instalações ou participam de atividades culturais e educativas. 

Dentre todas essas fortificações, está o conjunto de 19 fortalezas e fortes tombados pelo Iphan, em vários estados brasileiros, que é um bem seriado e integra a Lista Indicativa a Patrimônio Mundial da Unesco. Esse conjunto representa as inúmeras construções defensivas implantadas no território nacional, nos pontos que serviram para definir as fronteiras marítimas e fluviais do Brasil. A candidatura a Patrimônio Mundial encontra-se em fase de preparação e foi o tema da Carta do Recife, assinada por representantes de diversas instituições brasileiras, durante o Seminário  Internacional Fortificações Brasileiras, realizado em abril de 2017, em Recife (PE).

Leia mais

Fortalezas Incluídas na Lista Indicativa a Patrimônio Mundial
Fortes Incluídos na Lista Indicativa a Patrimônio Mundial 

Compartilhar
Facebook Twitter Email Linkedin