Paraty (RJ)

Em Paraty, houve diferentes tombamentos que abrangem a cidade e o município: o conjunto arquitetônico e paisagístico da cidade foi tombado pelo Iphan, em 1958; o município de Paraty recebeu o título de Monumento Nacional, em 1966; e um novo tombamento incluiu o entorno do conjunto arquitetônico e paisagístico do município, em 1974. Neste conjunto, destacam-se seu valor excepcional, a extraordinária beleza natural, a originalidade da área do município, além da importância do papel histórico que Paraty representou como elemento de ligação entre as capitanias do Rio de Janeiro, São Paulo e Minas Gerais. 

O município localiza-se no extremo oeste do litoral do Estado do Rio de Janeiro, junto à divisa com o Estado de São Paulo e é constituído pelas áreas íngremes da Serra da Bocaina (trecho da Serra do Mar), pelos vales de inúmeros rios que dela descem, e por uma estreita borda litorânea. O trecho do litoral é caprichosamente recortado, com pontas, baías, promontórios, angras, estuários de rios, onde se sucedem graníticos por vezes cobertos por vegetação, praias de areia branca e planícies sedimentares. Em uma dessas planícies sedimentares está Paraty.

A arquitetura dominante na cidade é característica da segunda metade do século XVIII e primeiras décadas do século XIX. Paraty é formada por importante núcleo com construções do período colonial e está localizada à beira-mar. Seus logradouros formam uma trama quase ortogonal e as ruas paralelas à praia possuem um formato arqueado. As construções, alinhadas umas encostadas às outras, compõem massa edificada compacta que envolve, inteiramente, os quarteirões e lhes empresta monumentalidade, apesar das limitadas dimensões. 

O Largo da Matriz era o centro cívico colonial onde se agruparam os prédios da administração pública e as igrejas. Alguns prédios - pela robustez e simplicidade de tratamento - provavelmente são remanescentes das primeiras décadas do século XVIII. A paisagem urbana é formada pelo entrecortar de ruas mais ou menos estreitas, onde predominam as casas térreas ou assobradadas dos prédios comerciais ou mistos. Com exceção dos largos, não existia arborização nas ruas de Paraty. A vila se afirmava frente à imensa mata que a circundava, com árvores apenas no fundo de seus quintais. 

A trama viária da cidade revela um traçado urbano, em xadrez, que resultou em "ruas direitas encruzadas retamente", de acordo com descrição de autor do século XIX, com sete ruas correndo do nascente para o poente, e seis do norte para o sul. A geometria simples de sua composição urbana é realçada por uma arquitetura que utiliza grandes planos cegos de alvenaria, rebocados e caiados, ou alternâncias de cheios e vazios que imprimem na paisagem natural, o ritmo característico da ação humana. 

Paraty teve, nos primeiros séculos de sua história, uma importância estratégica no cenário histórico brasileiro: funcionou como entreposto comercial utilizado para a entrada de mercadorias e escravos, e porto para o escoamento do ouro vindo de Minas Gerais e, posteriormente, para o café do Vale do Paraíba (estados do Rio de Janeiro e São Paulo). 

Ao longo do tempo, foram abertos novos caminhos e criadas e rotas alternativas que reduziram a importância do porto e, gradativamente, isolou Paraty. Atualmente, a cidade é um destino turístico reconhecido nacionalmente por seu patrimônio histórico e cultural, com o casario e igrejas em estilo colonial, calendário cultural diversificado, celebrações de festas religiosas tradicionais e suas manifestações artísticas, além das belas praias e ilhas que se integram à Mata Atlântica.
 
Leia mais

História
Monumentos e Espaços Públicos Tombados
Paraty: uma cidade respira tradição - 
Boletim SPHAN próMemória, No. 43
Nova lei regula o uso da sua terra - Boletim SPHAN próMemória, No. 10

Paraty (RJ)

  • RJ_Paraty
    Paraty (RJ)
  • RJ_Paraty
    Paraty (RJ)
  • RJ_Paraty
    Paraty (RJ)
  • RJ_Paraty
    Paraty (RJ)
  • RJ_Paraty
    Paraty (RJ)
  • RJ_Paraty
    Paraty (RJ)
  • RJ_Paraty
    Paraty (RJ)
  • RJ_Paraty
    Paraty (RJ)
  • RJ_Paraty
    Paraty (RJ)
  • RJ_Paraty
    Paraty (RJ)
  • RJ_Paraty
    Paraty (RJ)
  • RJ_Paraty
    Paraty (RJ)
  • RJ_Paraty
    Paraty (RJ)
  • RJ_Paraty
    Paraty (RJ)
  • RJ_Paraty_01
    Festa do Divino em Paraty (RJ)
  • RJ_Paraty_02
    Paraty (RJ)
  • RJ_Paraty_03
    Paraty (RJ)
  • RJ_Paraty_04
    Paraty (RJ)
  • RJ_Paraty_05
    Paraty (RJ)
  • RJ_Paraty_06
    Paraty (RJ)
  • RJ_Paraty_07
    Paraty (RJ)
  • RJ_Paraty_09
    Paraty (RJ)
Compartilhar
Facebook Twitter Email Linkedin