Santuário do Bom Jesus de Matozinhos - Congonhas (MG)

Situado em Minas Gerais, no município de Congonhas, o Santuário do Bom Jesus de Matozinhos foi construído na segunda metade do século XVIII e representa uma das obras-primas do barroco mundial. Inscrito no Livro do Tombo de Belas Artes pelo Iphan, em 1939, o bem foi reconhecido como Patrimônio Cultural Mundial pela UNESCO, em dezembro de 1985.

O conjunto edificado consiste em uma igreja, com interior em estilo rococó, adro murado e uma escadaria externa monumental decorada com estátuas de 12 profetas em pedra sabão; e seis capelas, dispostas lado a lado no aclive frontal ao templo, denominadas de Passos, ilustrando a via crucis de Jesus Cristo. Sua inspiração é fortemente relacionada a exemplares portugueses como a Igreja de Bom Jesus do Monte, em Braga, e ao Santuário de Nossa Senhora dos Remédios, em Lamego, Portugal.

As 66 esculturas de madeira policromada em tamanho natural, abrigadas nas seis capelas que reúnem os sete grupos de Passos da Paixão de Cristo, compõem um dos mais completos grupos escultóricos de imagens sacras no mundo, sendo, sem dúvida, uma das obras-primas de Francisco Antônio Lisboa, o Aleijadinho, que deixou para a humanidade uma obra de grande expressão e originalidade.

Histórico - A construção do santuário em Congonhas foi iniciada em 1757, em agradecimento pela cura de uma doença grave pelo emigrante português Feliciano Mendes, que escolheu como padroeiro o Bom Jesus de Matozinhos - o Cristo crucificado - venerado na localidade de Matozinhos, próxima à cidade do Porto, no norte de Portugal. Os trabalhos foram financiados pelas esmolas recolhidas com essa finalidade por Feliciano Mendes e, mais tarde, por seus sucessores na administração da nova devoção constituída em Confraria.

Quando o fundador faleceu, em 1765, oito anos após o início dos trabalhos, a igreja já podia ser usada para o culto com três de seus altares já instalados: o altar-mor com a imagem de Cristo na cruz importada de Portugal e os dois altares laterais consagrados a Santo Antônio e a São Francisco de Paula. A edificação foi concluída em 1772 e, até o presente, atrai multidões por se constituir um lugar de peregrinação religiosa, cujo testemunho maior é a fabulosa coleção de ex-votos, abrigados na Sala dos Milagres.

Patrimônio - A Igreja do Bom Jesus de Congonhas representa um momento de transição na evolução que se processa na arquitetura religiosa da região mineradora, em meados do século XVIII. Sua planta apresenta torres situadas ligeiramente em recuo em relação ao frontispício e ultrapassando a nave central devido à supressão dos corredores laterais tradicionais nessa parte da edificação. Todavia, o conjunto permanece ainda submetido à rígida linha que caracteriza as construções religiosas da região durante a metade do século, antes da introdução dos planos curvilíneos inspirados no estilo de Barromini.

A portada realizada um pouco mais tarde inclui elementos de rocalha inexistentes no frontão. Ela segue o padrão habitual das portadas ornamentadas em esteatita, típica da região de mineração na época do rococó. A composição está ordenada em torno do brasão com as cinco chagas e os três cravos da crucificação - emblema do patrono do templo. A ornamentação interna da igreja, inteiramente em estilo rococó, é uma das mais notáveis de toda a região mineradora. As talhas e pinturas de primeira ordem se unem em uma síntese harmoniosa e fazem do interior dessa igreja, onde os dourados se destacam sobre os tons suaves do azul, do verde e do rosa, uma verdadeira sinfonia de luz e de cor.

O estilo dessa igreja, típico da região mineradora, pode ser considerado como uma das marcas mais originais do rococó do Brasil.

O santuário de Bom Jesus de Matosinhos apresenta-se em bom estado de conservação permitindo que sua materialidade exprima a importância e os valores a ele atribuídos, representando uma realização artística única e exemplo excepcional da arquitetura brasileira do século XVIII.

O conjunto edificado e escultórico do Santuário conserva seus valores intrínsecos: a Igreja do Bom Jesus; o adro com as estátuas dos profetas em pedra sabão; os passos e capelas com suas sete estações ambos concluídos em 1805 e expressivo conjunto escultórico representativo da Paixão de Cristo. Apesar do processo de transformação ocorrido com o crescimento urbano da cidade de Congonhas, decorrente do intenso processo de mineração de ferro, o Santuário mantém-se intacto e se constitui, até os dias atuais, em ícone da arte sacra e religiosidade no Brasil.
 

Declaração retrospectiva
Dossiê de candidatura
Avaliação Icomos

 

Congonhas - Santuário do Bom Jesus de Matozinhos (MG)

  • MG_MAT_CONGONHAS_SANTUARIO_BOM_JESUS_DE_MATOZINHOS_WELERSON_988683032
    Santuário de Bom Jesus de Matozinhos.
  • MG_CONGONHAS_MATOZINHOS_PEDRO_MOTTA
    Os Profetas do Mestre Aleijadinho - Santuário de Bom Jesus de Matozinhos, Congonhas (MG).
  • MG_GONGONHAS_Santuario_de_Bom_Jesus_de_Matozinhos
    O Santuário de Bom Jesus de Matozinhos está localizado na cidade de Congonhas (MG)
  • MG_GONGONHAS_Santuario_de_Bom_Jesus_de_Matozinhos
    A planta do Santuário de Bom Jesus de Matozinhos já apresenta torres ligeiramente recuadas e supressão dos tradicionais corredores ao longo da nave
  • MG_Congonhas_Santuario
    Várias capelas formam os Passos da Paixão, tombados pelo Iphan, no Santuário do Bom Jesus de Matozinhos, em Congonhas (MG).
  • MG_GONGONHAS_Santuario_de_Bom_Jesus_de_Matozinhos
    O Santuário de Congonhas foi inspirado em outros dois localizados ao norte de Portugal: o Bom Jesus de Matozinhos e Bom Jesus de Braga
  • MG_MAT_CONGONHAS_SANTUARIO_BOM_JESUS_MATOZINHOS_WELERSON_988683032
    Santuário de Bom Jesus de Matozinhos.
  • MG_MAT_Congonhas_Nabil_Bonduk_08
    Os Profetas do Mestre Aleijadinho - Santuário de Bom Jesus de Matozinhos, Congonhas (MG).
  • MG_CONGONHAS_Santuario_de_Bom_Jesus_de_Matozinhos_5
    Os Profetas do Mestre Aleijadinho - Santuário de Bom Jesus de Matozinhos, Congonhas (MG).
  • MG_Congonhas_Santuario
    Os 12 Profetas, obra criada por Aleijadinho, decoram a escadaria da basílica do Santuário do Bom Jesus de Matozinhos, em Congonhas (MG).
  • MG_CONGONHAS_Santuario_de_Bom_Jesus_de_Matozinhos_Foto_Pedro_Motta_10
    Os Profetas do Mestre Aleijadinho - Santuário de Bom Jesus de Matozinhos, Congonhas (MG).
  • MG_MAT_Congonhas_Sylva_Braga_03
    Santuário de Bom Jesus de Matozinhos, Congonhas (MG).
  • MG_CONGONHAS_Santuario_de_Bom_Jesus_de_Matozinhos_6
    Santuário de Bom Jesus de Matozinhos, Congonhas (MG).
  • MG_CONGONHAS_Conjunto_Arquitetonico_e_Urbanistico_antiga_7
    Conjunto Arquitetônico e Urbanístico, Santuário Bom Jesus de Matozinhos - Congonhas (MG).
  • MG_CONGONHAS_Santuario_de_Bom_Jesus_de_Matozinhos_antiga_1
    Santuário de Bom Jesus de Matozinhos, Congonhas (MG).
  • MG_CONGONHAS_Adro_dos_Profetas
    Adro dos Profetas.
  • MG_CONGONHAS_Santuario_de_Bom_Jesus_de_Matozinhos_antiga_2
    Santuário de Bom Jesus de Matozinhos, Congonhas (MG).
  • MG_MAT_Congonhas_Sylva_Braga_02
    Santuário de Bom Jesus de Matozinhos.
  • Coleção Ex-Votos - Santuário de Bom Jesus de Matozinhos, Congonhas (MG).
    Coleção Ex-Votos - Santuário de Bom Jesus de Matozinhos, Congonhas (MG).
  • MG_CONHONGAS_ColecaoExVotos_2
    Coleção Ex-Votos - Santuário de Bom Jesus de Matozinhos, Congonhas (MG).
  • MG_CONHONGAS_ColecaoExVotos
    Coleção Ex-Votos - Santuário de Bom Jesus de Matozinhos, Congonhas (MG).
  • MG_CONGONHAS_Santuario_de_Bom_Jesus_de_Matozinhos_Foto_Pedro_Motta_14
    Santuário de Bom Jesus de Matozinhos, Congonhas (MG).
  • MG_CONGONHAS_Santuario_de_Bom_Jesus_de_Matozinhos_Foto_Pedro_Motta_6
    Santuário de Bom Jesus de Matozinhos, Congonhas (MG).
  • MG_CONGONHAS_Santuario_de_Bom_Jesus_de_Matozinhos_Foto_Pedro_Motta_7
    Santuário de Bom Jesus de Matozinhos, Congonhas (MG).
Compartilhar
Facebook Twitter Email Linkedin