Dissertações

A dissertação - cujo objeto de estudo trata de tema de interesse do Iphan, identificado no contexto das ações da unidade do instituto onde desenvolveu sua experiência profissional - é orientada por professor do corpo docente permanente e/ou colaborador do mestrado. Para a titulação, o aluno deve defender o trabalho em sessão pública, perante uma banca examinadora.

Dissertações dos alunos que concluíram o Mestrado Profissional em Preservação do Patrimônio Cultural:

ABRANTES, Andreza Rigo. Tecnologias Digitais como instrumentos de preservação do patrimônio urbano edificado, 2014.

ALENCAR, Carolina Pena de. Trilhando memórias: reflexões acerca das identidades dos trabalhadores da Estrada de Ferro Madeira-Mamoré, 2012.

AMARAL, João Paulo Pereira do. Da colonialidade do patrimônio ao patrimônio decolonial, 2015.

AMARAL, Leandro Ribeiro do. Patrimônio cultural e a garantia de direitos intelectuais indígenas: construção de sentido a partir da experiência Hunikuin, 2014.

ANDRADE, André Luis dos Santos. Da Esquina para o Canto: promover a “causa” e valorizar a “missão”. Política de difusão cultural no Iphan (1991-2005), 2014.

 ANDRADE, Lidiane Aparecida, O FESTIVAL DE INVERNO DE OURO PRETO E AS PRÁTICAS DE PRESERVAÇÃO CULTURAL NA CIDADE, 2017

ARAGÃO, Lucas Viana. Sociedade e Natureza nas Políticas de Preservação: O Modo de Fazer Política Pública em Itaúnas/ES, 2013.

ARAÚJO JÚNIOR, Edmar Augusto Santos de. Economia do Patrimônio Cultural: Efeitos das Políticas de Restauração Sobre a Região Central da Cidade do Rio de Janeiro, 2012.

 ARANDT, Ingrid, O sistema de captação e abastecimento de água nas Reduções Jesuíticas dos Guarani: O caso de São Miguel Arcanjo, 2016

ARÉVALO, Marcia Conceição da Massena. Sentir Para Agir: Avaliando Uma Proposta de Educação Patrimonial, 2013.

ARRUDA, Renato Fonseca de. Patrimônio cultural, sistemas e ações articuladas: a experiência de Cáceres e a formação de um sistema de preservação, 2014.

AZEVEDO, Jessica Pereira Manhães, O COLECIONADOR E SEU “NINHO” NA CASA PRINCIPAL/MUSEU CASA DO SÍTIO ROBERTO BURLE MARXE, 2017

BALTHAZAR, Raissa. Normatização de entorno de bens tombados isoladamente: um estudo de caso em Florianópolis/SC, 2015.

BASTARDIS, Jean Felipe. O Programa Nacional de Preservação da Documentação Histórica e seu Significado para a Preservação da Documentação Histórica e seu Significado para a Preservação de Arquivos no Âmbito do Iphan, 2012.

 BERTOLO, Ana Izabela, Perspectivas dos processos de Musealização do Patrimônio Arqueológico no estado de Rondônia, 2017.

BISPO, Alba Nélida de Mendonça. Dos processos de valoração do patrimônio moderno às práticas de conservação em Brasília: o caso do restauro do Palácio do Planalto, 2014.

BONUTI, Luciana Araujo, MEU JARDIM VIROU PRAÇA: Olhares locais sobre Tiradentes/MG, 2017

BORGES, João Marcos Charpinel. Anchieta: Um Sítio Histórico Urbano em Evidência, 2012.

BORGES, Larissy Barbosa. Entre Sons, Aromas e Sabores. As Feiras em Goiânia: História, Referência Cultural e Hibridação entre o Moderno e o Tradicional, 2013.

BRITO, Jaqueline Ferreira de Lima. A Fortaleza de Macapá como monumento e a cidade como documento histórico, 2014. 

CABRAL, Raquel Carpeggiani. Desafios da Preservação: O Entorno dos Bens Tombados em Antônio Prado, 2012.

CAMPOS, Marina Costa, Da Central a Japeri: um Manifesto em prol do Patrimônio Cultural inserido no Cotidiano do Transporte Ferroviário do Rio de Janeiro, 2017

CARDOSO, Andréia Loureiro. A Valoração como Patrimônio Cultural do “Raio que o Parta”, 2012.

CARDOSO, Paula Paoliello. A Reabilitação de Edifícios para uso Residencial Multifamiliar no Centro Histórico de São Luís/MA, 2012.

CARVALHO, Aluizio Victor de Souza. Os Projetos Gráficos da Revista do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional: A Trajetória do Design e das Políticas do Patrimônio no Brasil, 2013.

CASTRO, Stélia Braga. Casa de Chico Mendes e o entorno: formas de consagração e preservação do patrimônio cultural, 2014.

CEZAR, Ted Henrique da Silva. Sítio Arqueológico Itacoatiaras do Rio Ingá: reflexões sobre a preservação do patrimônio cultural e a documentação como um instrumento para esta prática, 2013.

CHEBUB, Michelle de Carvalho, Patrimônio Cultural e Comunidades Remanescentes de Quilombos: direitos culturais e instrumentos de proteção do IPHAN, 2015

CONCEIÇÃO, Iran Souza da. Vassouras entra na Roda: a trajetória do Caxambu entre 1847 e 1888, 2015.

CHIOSSI, Bruno Perea, Conservação Arqueológica: Reflexões e possibilidades, 2018

DEMATHÉ, Alexandro. Entre sambaquis, redes e naufrágios: Arqueologia Costeira no Parque Arqueológico do Sul-SC, 2014.

DIAS, Enderson Pereira. Estudo sobre o sítio arqueológico Pedra Pintada (RR-UR-01), para fins de tombamento, 2014.

DIAS, Welbia Carla. Boletim Sphan/FNPM: Um Espaço de Comunicação do Patrimônio Cultural, 2012.

FABBRI, Glauco Pasquali. Arqueologia Preventiva no Rio Grande do Norte, 2014.

FABRINO, Raphael João Hallack. Os Furtos de Obras de Arte Sacra em Igrejas Tombadas do Rio de Janeiro (1957 -1995), 2012.

FANTINI, Claudia Regina Rossi, O Jongo Folclórico de Bias Fortes e as narrativas do patrimônio cultural, 2018

FERNANDES, Simone Monteiro Silvestre. Reflexões para ações educativas em conjuntos urbanos tombados: Ouro Preto, 2014.

GARCIA, Fernanda Ghirotto. O Lugar como Categoria de Análise: A Definição de Zonas de Interesse no Bairro da Boa Vista, Recife/PE, 2012.

GOMES, Rafael Barros. Minha fé não é cultura: a eficácia da magia e as amarras do estado, 2015.

GONÇALVES, Helena Tavares. O Porto e a Casa: Dinâmicas de transformação no uso dos espaços no centro histórico de João Pessoa (PB), 2014.

GOUTHIER, Deborah Machado, Comunicação e preservação do patrimônio cultural: a Praça Cívica de Goiânia entre afetos e estórias de jornal, 2016

JARAMILLO, Maria Matilde Villegas, Entre os Morros e a Lagoa: Laguna Cidade Documento, 2016.

KISHIMOTO, Deborah Padula. A Gestão do Patrimônio: Estratégias da Preservação do Patrimônio Cultural na Cidade de Parnaíba – Piauí, 2012.

LANDIM, Joseane Pereira Paes. Serra Branca dos maniçobeiros: um conjunto habitacional sob rocha que (sobre)vive na memória, 2014.

LIMA, Alessandra Rodrigues. Patrimônio Cultural Afro-brasileiro:Narrativas produzidas pelo Iphan a partir da ação patrimonial. 2012.

LIMA, Angelica Silva de. O mapeamento de referências culturais como instrumento de conhecimento e gestão do patrimônio cultural brasileiro, 2013.

LINHARES, Guilherme Porciúncula Bresciani Cerqueira. Valoração Histórica de Sítios Urbanos Tombados pelo Iphan (1938-1968), 2013.

LOPES, Katiuscy da Rocha. Arte Santeira do Piauí: Entalhando Imaginários, 2014.

LOURENÇO, Alessandra Spitz Guedes Alcoforado. Vida após a morte: um estudo sobre os enterramentos pré- históricos no Estado do Paraná para identificação, gestão e valorização do patrimônio arqueológico, 2015.

LUZ, Carolina Francisca Marchiori da. Sítios Arqueológicos de Registro Rupestre: Gestão Compartilhada e as Ações de Preservação do Iphan no Parque Nacional Serra da Capivara e Entorno - Piauí, Brasil, 2012.

MACHADO, Erika Pereira. Procedimentos de Conservação e Restauro Arquitetônico - A Cobertura do Theatro Municipal do Rio de Janeiro: Conservação, Restauração, 2012.

MACHADO, Jana Rafaella Maia. Entre cantos e açoites: memórias, narrativas e políticas públicas de patrimônio que envolvem os penitentes da cidade de Barbalha – CE, 2014.

MARTINELLI, Francesca Dalmagro, Entre o concreto e o papel: a memória arquitetônica do Palácio GustavoCapanema, 2017

MARTINS, Ana Betânia S P. Cartografia do Patrimônio Cultural: uma análise da cartografia no âmbito dos Inventários Nacionais do Iphan, 2015.

MATTOS, Ana Teresa Góis Soares de. Nem português, nem mineiro... baiano e nacional, com todo respeito: a atuação da Bahia na construção do campo do patrimônio brasileiro, 2014.

MELO, Luciana Marinho de. Fluxos Culturais e os Povos da Cidade: Entre os Macuxi e Wapichana de Boa Vista/RR, 2012.

MENDES, Lorena Alves. “Nós Queremos”: o Carimbó e sua Campanha pelo título de Patrimônio Cultural Brasileiro, 2015.

MESQUTIA, Fernado Jose Lima de,  Arquitetura vernacular ribeirinha, patrimônio cultural nas Amazônias: o caso de Afuá-PA, 2017

MIRANDA, Ana Carolina Neves. História e Intervenção em Sítios Urbanos Tombados: A Experiência de Vassouras/RJ, 1958-2009, 2012.

MOREIRA, Anderson Luis Ribeiro. Indicadores de preservação do patrimônio arqueológico: empreendimentos e atividades em Santa Catarina (2002-2007), 2013.

MOREIRA, Catarine de Nazaré Aquino. O ofício do conservador-restaurador: concepções de patrimônio e transformações desde 1937, 2012.

MUNIZ, Anne Caroline de Almeida. A autenticidade nas recomposições arquitetônicas: discutindo a normatização de Marechal Deodoro/AL, 2014.

NITO, Mariana Kimie Silva. Heurística para entornos de bens de interesse cultural baseada na ambiência: uma experiência na Casa de Portinari em Brodowski-SP, 2015.

OLIVEIRA, Fabiana Carvalho de. Estratégias Para a Preservação do Patrimônio Cultural Moderno: Athos Bulcão em Brasília, 2012.

OLIVEIRA, Fernanda Rocha de. Novos olhares e antigas práticas no tombamento de centros históricos: o caso de Natal-RN, 2015.

OLIVEIRA, Karine Camila. Parâmetros urbanísticos e a preservação do Conjunto Arquitetônico e Urbanístico da cidade de Goiás, 2014.

OLIVEIRA, Tamyres Fontenele de Freitas. Entorno de bens tombados em áreas rurais face a processos recentes de ocupação agrária: o caso da Capela da Penha em Riachuelo/SE, 2014.

PACHECO, Ellis Monteiro dos Santos. O papel das normativas na preservação e ocupação do Conjunto Arquitetônico e Paisagístico de São Luís – MA, 2014.

PAES, Daniella Lira Nogueira. Sob os Signos das Boiadas: as Marcas de Ferrar Gado que Povoa o Sertão Paraibano, 2012.

PAIVA, Ana Cristina de Souza Gonçalves. As Dinâmicas das Duas Metades: Tombamento e Patrimônio Etnográfico no Iphan, 2013.

PAZ, Francisco Phelipe Cunha. Retalhos de Sabença: Ofícios, saberes e modos de fazer dos Mestres e artífices da construção tradicional em Natividade. Tocantins, 2013.

PEREIRA, Danilo Celso, PAISAGEM COMO PATRIMÔNIO: entre potencialidades e desafios para a implementação da chancela da Paisagem Cultural Brasileira., 2018

PEREIRA, Mariana Aline Barbosa. As pinturas murais no casario de Penedo, Alagoas: um inventário da produção muralista do século XIX, 2015.

PEREIRA, Julia da Rocha. Sobrepondo Valores: A Construção do Território de Igarassu/PE, 2012.

PEREIRA, Marielle Rodrigues. O Real, o Apresentado e o Referenciado: um estudo no centro histórico de Porto Nacional, 2014.

PERPÉTUO, Thiago Pereira. Uma cidade construída em seu processo de patrimonialização: modos de narrar, ler e preservar Brasília, 2015.

PIRES, Simone Campos. A valorização do território de identidade de São Pedro do Itabapoana. 2017

POLO, Mario Junior Alves. Dos instrumentos jurídicos e práticas do IPHAN para a arqueologia: o termo de ajustamento de conduta, 2014.

POZZOBON, Bruno Cezar, Preservação do Patrimônio Cultural: discutindo ações para o Centro Histórico e Paisagístico de São Francisco do Sul/SC, 2016

PRIESTER, Mariana Freitas. Os olhares sobre o bairro histórico de Paraty/RJ: Análise de Intervenções na Arquitetura Civil e no Espaço Público, 2015. 

PROCHNOW, Lucas Neves. O Iphan e o patrimônio ferroviário: a memória ferroviária como instrumento de preservação, 2014.

QUEIROZ, Hermano Fabrício Oliveira Guanais e. O Registro de Bens Culturais Imateriais como Instrumento Constitucional Garantidor de Direitos Culturais, 2014.

RAMALHO, Paulina Onofre. Lugar de Memória: O Plano Urbanístico de Boa Vista/Roraima, 2012.

RESENDE, Ana Carolina Rollemberg de. O ofício da patrimonialização: a identificação, a valorização dos saberes e o INRC, 2014.

RIBEIRO, Karina Nymara Brito, A Igreja, a casa e o culto aos santos: as esculturas sacras mazaganenses que atravessaram o Atlântico, 2016.

ROCHA, Nadja Waleska Silva. Théo Brandão, os Estudos Folclóricos e o Campo do Patrimônio no Brasil, 2013.

RODRIGUES, Paula Andréa Caluff. Duas faces da morte: o corpo e a alma do cemitério Nossa Senhora da Soledade, em Belém/PA, 2014.

ROSA, Thais Felipe. Ruínas do Forte São Joaquim: o uso turístico e a preservação do patrimônio cultural, 2014.

RUFINO, Elenita Helena. Danos ao patrimônio arqueológico rupestre pernambucano: perdas locais de bens nacionais, 2014.

SANTIAGO, Djalma Guimarães. A proteção do patrimônio arqueológico: motivações, critérios e diretrizes no tombamento de sítios arqueológicos pelo Iphan, 2015.

SANTOS, André Luis dos. Da Esquina para o Canto: promover a “causa” e valorizar a “missão”. Política de difusão cultural no Iphan (1991 -2005), 2014.

SANTOS, Getúlio Alípio X. de J. O Patrimônio na Pedra: gestão e preservação dos sítios de arte rupestre da Zona Arqueológica de Taperuaba, Sobral - CE, 2015. 

SANTOS, Lilian Louise Fabre. Diálogos entre preservação e urbanismo: o tombamento e a gestão do conjunto histórico e paisagístico de Antonina-PR, 2014.

SILVA, Carolina Di Lello Jordão. Inventário do Patrimônio Cultural no IPHAN: instrumentalização do discurso na política nacional de preservação, 2014.

SILVA, Claudio Antonio da, Há “pedras” no meu curral: a paisagem dos monólitos de Quixadá-CE, 2017

SILVA, Seulen de Andrade, Sob os holofotes do patrimônio: entre histórias, identidades e políticas na Festa do Rosário de Pombal/PB, 2017

SILVA, Arlan  Hudson Souza e, Sobre sujeito, Lugares e Patrimonio, um olhar reflexivo apartir do caso da vila Pia, no estado do Acre, 2017.

SCOFANO, Guilherme Butter. A Elaboração de Planos de Gestão da Paisagem Cultural Brasileira como Subsídio à Proteção do Patrimônio Arqueológico: O Caso da "Ilha De Lacuna" - SC, 2012.

SEIXAS, Ana Luisa Jeanty de. Gestão das áreas de entorno de bens tombados - estudos de caso nas cidades gaúchas de Piratini e Novo Hamburgo, 2014.

SILVA, Carolina di Lello Jordão. Inventário do Patrimônio Cultural no Iphan: instrumentalização do discurso na política nacional de preservação, 2014.

SILVA, Fabrício Rocha da. Estudos de Percepção Espacial no Entorno do Sítio Arqueológico de São Miguel Arcanjo com Vistas à Valorização do Monumento, 2012.

SILVA, Renato Alves e. O Desafio da Preservação do Patrimônio Arquitetônico Modernista no Rio de Janeiro, 2012.

SILVANI, Juliana Morilhas. O Valor da Cultura: Um Estudo de Caso sobre a Inserção da Louça do Maruanum/AP no Mercado e sua Relação com a Preservação do Patrimônio Cultural, 2012.

SIVIERO, Fernando Pascuotte. Um mapa para outros fazeres: Territórios educativos e patrimônio cultural, 2014.

SOUZA, Carolina Guimarães Starling de. O Turismo Arqueológico na Preservação do Patrimônio Cultural: Um Estudo de Caso dos Sítios Rupestres de Serranópolis/GO, 2012.

SOUZA, Igor Alexander Nascimento de. Na confluência da roda: Educação Patrimonial, Diversidade Cultural e a Pedagogia Griô, 2014.

SOUZA, Nayara Cavalini de. Documentos fotográficos no arquivo: Preservação, conservação, dissociação e acesso no Arquivo do Patrimônio (Iphan/RJ), 2014.

SPANO E SILVA, Anna Carolina. Os passos dos jesuítas no Espírito Santo: vivências e interdependências das edificações no estado, 2015.

TEIXEIRA, Luana. Para Além da "Pedra e Caco": O Patrimônio Arqueológico e as Igaçabas de Palmeira dos Índios, Alagoas, 2012.

TOFANI, Sandra Regina Menezes. Acervo Botânico do Sítio Roberto Burle Marx: valorização e conservação, 2014.

TOLLSTADIUS, Larissa Lira. Preservação do Centro de Teresina: a construção de um objeto, 2013.

VASCONCELOS, Marcela Correia de Araújo. A Salvaguarda do Engenho Gaipió: Um Estudo Comparitivo entre os Instrumentos Jurídicos Tombamento e Chancela da Paisagem Cultural, 2012.

VAZ, Beatriz Accioly. Quilombos e Patrimônio Cultural: Reflexões sobre direitos e práticas no campo do patrimônio, 2014.

VICENTE FILHO, Ronaldo Guimarães. As Inter-relações entre o Cultivo do Trigo e as Manifestações Culturais em Itaiópolis/SC, 2012.

VIEIRA NETO, João Paulo. Conjunto de Serrotes de Quixadá: Monumentalidade e Apropriação Social do Patrimônio Natural, 2012.

VILELA, Nathália  Assis Pereira. Bens Tombados, Novos Contextos Sociais e a Qualificação dos Entornos: um estudo de Santo Amaro das Brotas em Sergipe, 2018

XAVIER, Patrícia Pereira. Valorização e Preservação do Patrimônio Arqueológico na Comunidade do Cumbe - Aracati/CE, 2013.

ZANARDI, Paula Pflüger. Narrativas Visuais sobre o Patrimônio Cultural: os cortadores de pedra na Chapada Diamantina. 2017

Compartilhar
Facebook Twitter Email Linkedin